EnglishPortuguese
  • Parque de Saúde de Lisboa, Av. do Brasil 53, 1749-002 Lisboa
  • +351 21800 89 48
  • +351 21 800 89 48
  • secretariado@apah.pt
medalha de ouro

APAH galardoada com medalha de ouro.

No dia 5 de abril, durante a sessão comemorativa do Dia Mundial da Saúde, a Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH) foi galardoada pela Senhora Ministra da Saúde, Prof. Doutora Marta Temido, com a Medalha de Serviços Distintos do Ministério da Saúde – Grau Ouro.

Alexandre Lourenço, atual Presidente da Direção, recebeu a distinção, sendo acompanhado por Pedro Lopes, Manuel Delgado e Jorge Varanda seus antecessores.

Nas palavras da brochura publicada pelo Ministério da Saúde:

Assume liderança no debate sobre os desafios na administração e gestão das instituições hospitalares do Serviço Nacional de Saúde”. Criada em 1981, a Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH) dedica-se a apoiar os administradores hospitalares nos múltiplos contextos organizacionais tendo em vista contribuir para a melhoria do seu desempenho, garantindo a qualidade e excelência dos resultados em saúde em Portugal.
Apoiar a criação de valor na cadeia da prestação de cuidados de saúde, de modo a contribuir para a melhoria da saúde e bem-estar da sociedade, é a visão adoptada por esta associação. É responsável pela edição da revista Gestão Hospitalar e pela Academia APAH, para citar apenas algumas das iniciativas que leva a cabo, criando parcerias e redes de apoio entre gestores e instituições da área da saúde, da educação e do apoio social, entre outros.

Ministério da Saúde, 2019

No ano em que a carreira de administração hospitalar completa os seus 50 anos após a publicação da sua criação em 1968, esta distinção tem particular relevância na homenagem a todos os administradores hospitalares e ao seu contributo para o desenvolvimento do Serviço Nacional de Saúde.

Nesta cerimónia foram ainda agraciados os administradores hospitalares Catarina Sena e Carlos Vaz pelas suas carreiras de dedicação ao Serviço Nacional de Saúde.

A Cerimónia do Dia Mundial da Saúde foi transmitida em live streaming e pode ser vista aqui:

Medalhas de serviços distintos e de comportamento exemplar

As medalhas de serviços distintos e de comportamento exemplar destinam-se a galardoar pessoas ou instituições que tenham prestado serviços relevantes à saúde pública, à assistência social ou à acção hospitalar. Foram instituídas através do Decreto-lei 46277, de 16 de Abril de 1965, e reguladas pela Portaria 22773, de 10 de Julho de 1967.

A medalha de serviços distintos destina-se a galardoar as pessoas que hajam praticado actos de abnegação, caridade, altruísmo ou beneficência ou tenham prestado serviços relevantes à saúde pública ou à assistência social. Pode ainda ser concedida aos organismos, instituições ou empresas que se distingam pela sua actividade nos sectores da saúde ou da assistência ou para eles hajam contribuído de modo relevante.
As medalhas de serviços distintos e de comportamento exemplar compreendem os seguintes graus: ouro, prata e cobre.

Logo em 1968, Coriolano Ferreira, reconhecido fundador em Portugal da gestão de serviços de saúde, foi agraciado pela Medalha de Serviços de Mérito do Ministério da Saúde – grau ouro. Desde então vários administradores hospitalares e sócios honorários da APAH têm vindo a ser agraciados com esta distinção: