EnglishPortuguese
  • Apartado 13040 Estação CTT Casal Ribeiro, 1000-994 Lisboa
  • Brevemente Disponível
Foto GT contratação pública

APAH reúne com SPMS no âmbito da Contratação Pública

A APAH, no âmbito do seu Grupo de Trabalho (GT) para a Contratação Pública e Eliminação do Desperdício procedeu ao levantamento dos atuais constrangimentos operacionais e correspondentes impactos gerados nos hospitais pelo processo de compras centralizadas, revisitando em paralelo alguns dos aspetos considerados críticos e que necessitam de atualização, e revisão, em particular, no que concerne aos encargos plurianuais e às aquisições centralizadas.

Para o efeito, a APAH dirigiu ao Senhor Ministro da Saúde, a 25 de outubro, carta de exposição das situações criticas e constrangimentos identificados na gestão das instituições hospitalares do SNS com apresentação de propostas de melhoria.

 

Reunião do GT Contratação Pública e Eliminação do Desperdício com a SPMS

Data: 10 de Novembro

Local: Sede SPMS, Av. República, n.º 61 Lisboa

Presenças: Victor Herdeiro (coordenador), Sandra Sousa e Miguel Lopes pela APAH e Artur Mimoso, Rute Belchior e Joana Candeias pela SPMS

Nessa sequência decorreu no passado dia 10 de novembro reunião do GT com os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) com o objetivo de analisar os atuais constrangimentos e o desenvolvimento conjunto de soluções que as permitam eliminar ou mitigar.

Como principais conclusões desta reunião destacamos a definição das seguintes ações/iniciativas:

  1. A criação, por proposta da APAH, de Portal eletrónico com o objetivo de aumentar a transparência e monitorização do ponto de situação dos processos concursais. A SPMS acolheu a proposta a qual será desenvolvida e testada no decurso do 1.º trimestre 2018. A APAH integrará a equipa de projeto por forma a acompanhar a construção e implementação da plataforma.
  2. Por seu turno, a SPMS convidou a APAH para integrar as Comissões Técnicas e Grupos de Trabalho dos Acordos Quadro e a pronunciar-se sobre as cláusulas e especificações técnicas dos Cadernos de Encargos.
  3. As partes assumiram igualmente o compromisso para a realização de ações de formação conjuntas sobre as alterações do Novo Código dos Contratos Públicos para as Instituições do SNS a realizar no Porto e em Lisboa no próximo mês de Janeiro.

A APAH congratula-se com o espírito colaborativo em que decorreu a reunião e salienta a importância de regularmente realizar este tipo de reuniões por forma a discutir constrangimentos nesta área e a assegurar a concretização e avaliação das ações definidas.

 

 

Contratação Pública

Nos últimos anos, o regime de Contratação Pública tem sofrido reformas significativas, tendo em conta as alterações legislativas ocorridas com a publicação do Decreto-Lei n.º 149/2012, publicado no DR n.º 134, Série I, de 2012-07-12, eliminando as exceções à aplicação integral do regime de que beneficiavam os hospitais constituídos sob a forma de Entidade Pública Empresarial, e a Lei n.º 8/2012, de 21 de fevereiro, Lei dos Compromisso e Pagamentos em Atraso.

Estes diplomas tiveram grande impacto nos sectores de aquisições que foram dimensionados para darem resposta a procedimentos baseados nos regulamentos de compras, aplicáveis, na altura, dentro dos limites impostos pelos limiares das Diretivas Europeias que regulam a Contratação Pública.  A publicação do Despacho n.º 851-A/2017, de Sua Excelência o Ministro da Saúde, no Diário da República, 2ª série, nº 11, de 16 de Janeiro, vem colocar em clara evidência estas deficiências.

 

Conheça os Grupos de Trabalho da APAH aqui

Conheça os Cursos da Academia APAH no âmbito da Contratação Pública e Eliminação do Desperdício aqui