Católica Business School Porto

Outcomes em Saúde ao Nível do Doente - Um Novo Paradigma
Outcomes em saúde ao nível do doente – um novo paradigma

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares, gestores e profissionais de saúde e outros com interesse na matéria.

Preço:

Sócios APAH*: 600€
Mais de 3 inscrições por empresa: 600€ cada inscrição
Não Associados: 660€
Valor Acresce IVA à taxa legal em vigor.

* Entidades Parceiras

Objetivos:

A pressão demográfica reclama que se introduzam reformas urgentes no Serviço Nacional de Saúde para garantir a sua sustentabilidade. Entre as medidas urgentes que é necessário tomar, temos:

    • Saber como está a ser gasto o dinheiro dos contribuintes. Atualmente sabe-se onde é gasto o dinheiro, mas desconhece-se se o dinheiro está a ser gasto da maneira mais eficiente e da forma mais eficaz;
    • Os hospitais públicos portugueses são financiados com base no volume que produzem. Que garantia temos que quem produz mais é quem produz melhor?
    • Com base em quê podemos afirmar que um prestador de cuidados de saúde é melhor do que o outro? Dispomos de muito poucos dados para aferir o desempenho dos prestadores de cuidados de saúde;
    • É necessário medir os desfechos de saúde ao nível do doente, para que se possa ter a certeza que o dinheiro dos contribuintes é bem gasto;
    • Recolher informação sobre o que acontece aos doentes ao longo do tempo é necessário para podermos saber exatamente em que posição relativa os prestadores de cuidados de saúde se encontram e para que seja possível melhorar aprendendo com quem objetivamente conseguiu melhores resultados de saúde;
    • Oferecer uma visão geral do conceito de value-based health care (cuidados de saúde baseados em valor) e esclarece como este conceito pode ser implementado na prática.

Metodologia:

    • Com uma forte vertente prática, os programas combinam a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.
      .

Programa:

      • Conceito de value-based health care;
      • Implicações para a prestação de cuidados de saúde;
      • ICHOM – consórcio fundado pela Harvard Business School, pelo Karolinska Institutet e pelo The Boston Consulting Group, e tem como objetivo transformar os sistemas de cuidados de saúde em todo o mundo, medindo e reportando os resultados dos doentes de forma padronizada;
      • Implementação de standard sets desenvolvidos pelo ICHOM.
João Marques Gomes
Investigador científico na Nova SBE – Nova School of Business and Economics e consultor de gestão na área da saúde
É especialista em Value-Based Health Care (cuidados de saúde baseados em valor). É o coordenador de Value-Based Health Care da Universidade Nova de Lisboa e é o diretor científico do Nova Institute for Value Improvement in Health and Care. Este instituto reúne os investigadores das diferentes unidades orgânicas da Universidade Nova de Lisboa que trabalham na área de Value-Based Health Care. João Marques Gomes trabalha também para/com a equipa internacional de implementação do ICHOM – International Consortium for Health Outcomes Measurement, e trabalha com o ICHOM no desenvolvimento de um currículo de Value-Based Health Care para os profissionais de saúde do futuro. É CEO da Nova Healthcare Initiative. A Nova Healthcare Initiative é a unidade de investigação e de consultoria da Nova SBE para as áreas da gestão e da economia da saúde, de saúde pública e das políticas de saúde. A investigação de João Marques Gomes foi repetidamente financiada pela FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, agência pública portuguesa de apoio à investigação em ciência. Como consultor de gestão, trabalhou para/com a Comissão Europeia, o Ministério da Saúde Português, empresas do top 10 mundial em vendas da indústria farmacêutica, hospitais públicos e privados, em Portugal e no estrangeiro. Lecionou/leciona na Nova SBE, na Universidade Católica Portuguesa e no ISCSEM – Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz. É doutorado em economia e tem um MBA.
Negotiation Clinic
Negotiation Clinic

O sucesso depende da nossa capacidade de com eles negociar os “contributos” de que necessitamos para a concretização dos nossos objetivos. Negotiation Clinic ajuda-nos a melhor dominar os fatores críticos de sucesso nas negociações mais importantes para a nossa atividade profissional e também a criarmos condições para sermos mais eficazes em todos os processos negociais em que interviermos.

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares e outros líderes no setor da saúde

Preço:

Sócios APAH*: 800€
Mais de 3 inscrições por empresa: 800€ cada inscrição
Não Associados: 880€
* Entidades Parceiras

Valor acresce IVA à taxa legal em vigor.

Objetivo:

      • Ser um negociador eficaz é um fator decisivo para o sucesso de um gestor;
      • Preparar os participantes para efetuarem mapeamento das negociações críticas para o seu sucesso e apostarem no aumento da eficácia na condução de cada um desses processos negociais.

     

    Metodologia

        • Em formato de workshop, sendo os participantes convidados a realizarem um roteiro de atividades de aplicação dos conceitos às situações negociais em que intervêm, podendo partilhar experiências de sucesso, dificuldades, soluções e receberem feedback sobre aquilo que partilharem.
        • Durante a realização deste módulo será também elaborado o “Perfil Insight” é uma ferramenta que fornece um melhor entendimento do comportamento e perfil de indivíduos dentro de uma organização, auxiliando-os a reconhecerem traços de comportamento que são predominantes na sua personalidade, assim como as características ausentes, de modo a entenderem o impacto do seu perfil no modo como se comportam no ambiente de trabalho, e como é percebido por outros.

       

       

      Programa:

          • Gerir de forma eficaz os processos negociais que constam da sua Key Negotiation Matrix;
          • Aumentar a sua capacidade de utilizar a Inteligência Emocional nos processos Negociais;
          • Utilizar processos de desenvolvimento da capacidade negocial, baseados na sua dinâmica e perfil pessoal e na reflexão sistemática sobre as suas experiências negociais.
Carlos Ribeiro
Partner da Performance and Development; Coordenador Técnico de Projectos e Formador / Executive Coach na Performance and Development
É docente da Católica Porto Business School (MBA em Gestão). Foi docente do ISG (Instituto Superior de Gestão). Foi consultor do Banco Mundial e da Unesco. Foi Coordenador da William Mercer e Director na Área Chave. Freelancer: liderou projectos de gestão em empresas de transportes e de comunicações. Foi Quadro no Instituto de Formação Bancária (Associação Portuguesa de Bancos). É Sócio da ASTD (American Society for Training and Development). É Certificado pela Inshights. É certificado pelo Herrmann International Institute Niv. II. É licenciado em Psicologia (Universidade de Coimbra), parte curricular do Mestrado em Desenvolvimento (Universidade Técnica de Lisboa).

Fundamentos Clínicos para Gestão em Saúde
Programa Avançado Fundamentos Clínicos para Gestão em Saúde

Impõe-se potenciar sinergias entre a gestão e a área clínica, no sentido de obviar à falta de alinhamento estratégico das organizações e da tomada de decisão.

Não é aceitável que a racionalidade económica possa substituir o juízo clínico, nem o critério médico se pode impor, sem mais, à lógica gestionária.

A articulação de ambas reforça a necessidade de compatibilizar as intervenções, clinicamente relevantes, adequadamente alinhadas com as necessidades dos doentes e os princípios da equidade. A gestão da efetividade e a melhoria da eficiência organizacional são necessárias e imprescindíveis. Por isso exige-se formação conjunta e colaboração eficiente e efetiva dos profissionais de saúde.

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Profissionais da área da saúde, dos setores público, social e privado, gestores e/ou responsáveis de unidades ou serviços de saúde, bem como outros profissionais que procurem uma qualificação específica, conhecimento e diferenciação técnica.

Preço:

Sócios APAH*: 4500€
Mais de 3 inscrições por empresa: 4500€ cada inscrição
Não Associados: 4950€
* Entidades Parceiras

Valor acresce IVA à taxa legal em vigor.

Objetivos:

    • Facilitar e incrementar a articulação entre as diversas profissões da saúde na governação dos serviços de saúde, com objetivos de, em conjunto, obterem a melhoria da eficiência, eficácia e efetividade dos cuidados, da qualidade, custos, otimização de circuitos e procedimentos, bem como da satisfação dos doentes.

Metodologia:

    • Com uma forte vertente prática, os programas combinam a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.

Programa:

O programa será apresentado em 62 horas, mais 2 horas Seminário, mais 4 horas de Projeto – 15 ECTS

  • O sistema de saúde: estruturas e processos (2h)
  • Financiamento em Saúde como driver de qualidade (4h)
  • Definição e gestão de indicadores de qualidade clínica (2h)
  • Outcomes em saúde – um novo paradigma (2h)
  • Os CRI no novo Regime Jurídico dos Hospitais (2h)
  • Redes de Referenciação e Centros de Referência (2h)
  • Qualidade em Comunicação e Informação Clínica (2h)
  • Marketing na Saúde (2h)
  • Codificação clínica – otimização de processos (2h)
  • Informatização Clínica (2h)
  • Investigação e Ensaios Clínicos (4h)
  • Processos da qualidade clínica e segurança do doente (12h)
  • Controlo de infecção
  • Stewardship de antibióticos
  • Evicção de quedas
  • Evicção de úlceras de pressão
  • Sistema de registo e gestão de eventos adversos
      • As áreas clínicas específicas (24h)
  • Ambulatório e Hospital de Dia
  • Área do doente médico
  • Área do doente cirúrgico
  • A Mulher e a Criança
  • A Urgência e a Medicina Intensiva
  • Os MCDT
Governação de Sistemas de Informação

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares, gestores e profissionais de saúde e outros com interesse na matéria.

Preço:

Sócios APAH: 600€
Mais de 3 inscrições por empresa: 600€ cada inscrição

Valor Acresce IVA à taxa legal em vigor.

Datas:

Cursos abrem por manifestação de interesse, informações adicionais contacte-nos através do e-mail:  academia@apah.pt

Metodologia:

    • Com uma forte vertente prática, o programa combina a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.

Objetivos:

    • Oferecer uma visão alargada acerca da forma como a tecnologia pode adicionar valor às organizações de saúde e acerca das componentes que necessitam de gestão na cadeia de valor das TIC, a organização que pode ser criada para assegurar a governação adequada das TIC e os mais importantes padrões que deverão ser compreendidos para operacionalização dos melhores processos de gestão das TIC.

Programa:

    • A finalidade do governance e o papel das TIC na criação de valor;
    • Modelo para a gestão da estratégia das TIC numa organização;
    • O ecossistema aplicativo no serviço nacional de saúde e uma arquitectura aplicativa num hospital. A ligação da electromedicina às TIC na saúde;
    • Os principais normativos ou referenciais de boas praticas associados à gestao das TIC;
    • Gestão do risco na segurança dos sistemas de informação e na proteção da privacidade dos dados pessoais;
  • Gestão dos requisitos associados aos sistemas TIC.
Domingos Manuel da Silva Pereira
É co-editor do livro ‘Sistemas de Informação na Saude’ e da revista eSaúde. E o presidente da associação de profissionais TIC na saúde, a e-MAIS.
Nasceu no Porto em 1957, casado e pai de duas filhas, licenciado em engenharia eletrotécnica pela FEUP. Possui pós-graduação do IESF na gestão do sistema bancário português. Mestrados em gestão de sistemas de informação no ISEG, e em informática médica na FMUP – FCUP. Desenvolveu a sua carreira de gestor das TIC na banca durante 19 anos. Diretor de grandes projetos na Novabase entre 2001 e 2006. Enquanto diretor do TIC no CHVNG é responsável pelo desenvolvimento dos planos directores associadas as arquitecturas aplicativa, de segurança, da infra-estrutura e dos processos de gestão de serviço aos utilizadores, e pela sua implementação. Atual responsável pela gestão do contrato programa para as TIC estabelecido entre  a ACSS e a SPMS Foi docente universitário no domínio das TIC na Universidade Portucalense de 1996 a 2005 Possui as certificações profissionais CISA (até 2015) e CPHIMS, da ISACA e HIMSS respectivamente. É co-editor do livro ‘Sistemas de Informação na Saude’ e da revista eSaúde. E o presidente da associação de profissionais TIC na saúde, a e-MAIS.
Gestão Financeira

A gestão financeira congrega uma visão integrada da empresa e, por essa razão, é considerada a função por excelência no seio da organização.

 

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares, gestores e profissionais de saúde e outros com interesse na matéria.

Preço:

Sócios APAH: 600€
Mais de 3 inscrições por empresa: 600€ cada inscrição

Valor Acresce IVA à taxa legal em vigor.

Datas:

Cursos abrem por manifestação de interesse, informações adicionais contacte-nos através do e-mail:  academia@apah.pt

Metodologia:

    • Com uma forte vertente prática, o programa combina a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.

Objetivos:

    • Construir uma visão financeira integrada da empresa, que articula a estratégia com a criação de valor para os investidores.
    • Enriquecer competências, capacitando-os para oferecer um serviço de alto valor acrescentado.

Programa:

    • Conhecer as técnicas indispensáveis para avaliar e decidir sobre opções estratégicas e de gestão corrente, explorando tópicos como:
  • Análise de projetos de investimentos;
  • Gestão de riscos;
  • Escolha da melhor estrutura de financiamento.
João Pinto
Vice-presidente do Centro Regional do Porto da Universidade Católica Portuguesa e Professor Auxiliar na Católica Porto Business School. Consultor do Banco Europeu de Investimento na área do Project Finance e do Banco Europeu.
Doutorado em Ciências Empresariais, com especialização em Finanças, pela Faculdade de Economia do Porto. Licenciado em Economia e Mestre em Finanças, pela Faculdade de Economia do Porto. Frequentou formações avançadas na área dos instrumentos derivados e respectiva avaliação - London Financial Studies -, na área da modelização financeira - London School of Economics - e na área do Project Finance/PPPs - SMI Group. Foi investigador no Michael F. Price College of Business - The University of Oklahoma, em assuntos relacionados com inovação financeira e pricing de financiamentos estruturados. Foi Diretor Financeiro da TRENMO - Engenharia, S.A. entre Janeiro de 2011 e Fevereiro de 2014. Desempenhou funções na área da gestão financeira, entre Março de 2008 e Março de 2010, no Departamento Administrativo e Financeiro da Metro do Porto, S.A. Entre Março de 2004 e Fevereiro de 2008, exerceu as funções de Controller no Departamento de Planeamento e Controlo de Gestão da Metro do Porto, S.A. Actualmente, é Vice-presidente do Centro Regional do Porto da Universidade Católica Portuguesa e Professor Auxiliar na Católica Porto Business School. É consultor do Banco Europeu de Investimento na área do Project Finance e do Banco Europeu para a Reconstrução e Desenvolvimento nas áreas da avaliação de projetos de investimento e da reestruturação empresarial. É membro do Research Committee da American Association for Economic Research e do Research Center for Innovative Financial Solutions. Desenvolve ainda actividades de consultoria económica e financeira a entidades públicas e privadas, com enfoque nos domínios da avaliação de investimentos, dos financiamentos e dos instrumentos derivados.
Gestão da Mudança

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares, gestores e profissionais de saúde e outros com interesse na matéria.

Preço:

Sócios APAH: 600€
Mais de 3 inscrições por empresa: 600€ cada inscrição

Valor acresce IVA à taxa legal em vigor.

Datas:

Cursos abrem por manifestação de interesse, informações adicionais contacte-nos através do e-mail:  academia@apah.pt

Objetivo:

    • Pretende-se que cada participante viva a participação neste programa como um verdadeiro percurso transformacional, suscetível de o valorizar como gestor e de tirar melhor partido das forças e virtudes do seu perfil.

Metodologia:

O programa alia a apresentação e discussão da base conceptual relativa aos processos de mudança com:

    • Análise de casos.
    • Incidentes críticos e de situações
    • Experiências dos participantes
    • Reflexão orientada sobre as necessidades e oportunidades transformacionais que se colocam nas áreas e nas equipas de que os participantes são responsáveis.

Programa

    • Visa criar condições para que os participantes possam evidenciar:
    • Atuações mais consequentes ao nível da participação e gestão de processos transformacionais em curso nas suas empresas / organizações;
    • Atitudes mais proactivas relativamente à indução e gestão de processos e dinâmicas transformacionais nas áreas e a equipas de que são responsáveis;
    • Melhor controlo e gestão dos fatores críticos que afetam o seu sucesso como gestores;

Carlos Ribeiro
Partner da Performance and Development; Coordenador Técnico de Projectos e Formador / Executive Coach na Performance and Development
É docente da Católica Porto Business School (MBA em Gestão). Foi docente do ISG (Instituto Superior de Gestão). Foi consultor do Banco Mundial e da Unesco. Foi Coordenador da William Mercer e Director na Área Chave. Freelancer: liderou projectos de gestão em empresas de transportes e de comunicações. Foi Quadro no Instituto de Formação Bancária (Associação Portuguesa de Bancos). É Sócio da ASTD (American Society for Training and Development). É Certificado pela Inshights. É certificado pelo Herrmann International Institute Niv. II. É licenciado em Psicologia (Universidade de Coimbra), parte curricular do Mestrado em Desenvolvimento (Universidade Técnica de Lisboa).

Controlo-de-Gestão-–-Beyond-Budgeting
Controlo de Gestão – Beyond Budgeting

Em resposta a contextos de forte incerteza e mudanças frequentes da envolvente, as organizações tendem a adaptar e desenvolver novos sistemas de execução da estratégia.

Este processo de mudança têm vindo a questionar a utilização de algumas ferramentas tradicionais de controlo de gestão, como é o caso das metodologias de planeamento e controlo orçamental, sendo que, das críticas aos orçamentos, destaca-se o facto de estes poderem constituir uma barreira à tomada rápida de decisões e à inovação nas organizações.

Local:

Católica Porto Business School

 

A quem se dirige:

O curso dirige-se a quadros e executivos de topo das organizações, centrando-se na exploração de um modelo de execução da estratégia que responda a contextos organizacionais complexos e adaptativos.

Preço:

Sócios APAH: 600€
Mais de 3 inscrições por empresa: 600€ cada inscrição

Valor acresce IVA à taxa legal em vigor.

Datas:

Cursos abrem por manifestação de interesse, informações adicionais contacte-nos através do e-mail:  academia@apah.pt

Objetivo:

    • Explorar os motivos e as consequências da utilização de sistemas de execução da estratégia que abandonaram ou adaptaram o uso dos orçamentos, seguindo os princípios popularizados pelo conceito de Beyond Budgeting.

Metodologia:

Com uma forte vertente prática, os programas combinam a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.

Programa

    • SEE – Sistemas de Execução da Estratégia;
    • TDAD – Tomada de Decisão e Avaliação do Desempenho.
Luís Marques
Professor Auxiliar Convidado da Católica Porto Business School (desde 2011)
Administrador da Rangel Invest, S.A. (desde 2014).  Doutorado (2013) e Mestre (2002) em Ciências Empresariais pela FEP. Licenciado (1997) em Contabilidade e Auditoria pelo ISCAUA. Desempenhou funções como Administrador da APA - Administração do Porto de Aveiro (2005 a 2014) onde também exerceu o cargo de Diretor Administrativo e Financeiro (2000 a 2005). Colaborador da PwC (1995 a 1999) e da CFA, SROC (1994 a 1995). Foi Assistente Convidado de Finanças do ISCAUA (2008 a 2011) e Professor Adjunto Convidado de Estratégia no IPAM (2004 a 2010).
Miguel Soares
Managing Director das empresas CFO Consult e B-Link Business Brokers
Doutorando em Ciências Empresariais na Faculdade de Economia do Porto (desde 2012). Mestre em Ciências Empresariais, com especialização em Finanças, na Faculdade de Economia do Porto (2003). Licenciado em Gestão na Faculdade de Economia do Porto (1994). Leccionou na Faculdade de Economia e Gestão da Universidade Católica (Porto) e desde 2004 é docente convidado nos cursos de formação executiva da Católica Porto Business School, nas áreas de Contabilidade e Controlo de Gestão.  Consultor desde 1994 nas áreas de Corporate Finance, Strategy Execution e Management Control. Neste âmbito, é Managing Director das empresas CFO Consult e B-Link Business Brokers. Exerceu também funções de Interim Management em várias empresas, na área financeira.
Pagem
Os Centros de Responsabilidade Integrados no novo Regime Jurídico dos Hospitais do SNS

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares, gestores e profissionais de saúde e outros com interesse na matéria.

Preço:

Sócios APAH: 600€
Mais de 3 inscrições por empresa: 600€ cada inscrição

Valor acresce IVA à taxa legal em vigor.

Datas:

Cursos abrem por manifestação de interesse, informações adicionais contacte-nos através do e-mail:  academia@apah.pt

Objetivo:

    • Dotar os participantes de conhecimentos e competências na gestão intermédia das unidades hospitalares e de competências para a criação e boa gestão de CRI ao abrigo do novo quadro legal.
        • Capacitar os gestores de métodos e ferramentas de contratualização e monitorização da produção, económico- financeira e de indicadores.

Metodologia:

Com uma forte vertente prática, os programas combinam a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.

Programa

    • Apresentação do conceito e objetivos dos Centros de Responsabilidade Integrados (CRI).
    • Os CRI no novo Regime Jurídico aplicável às unidades de saúde do SNS do Decreto-Lei n.º 18/2017, de 10 de fevereiro.
    • Os papéis do acionista, financiador e regulador.
    • O papel da gestão intermédia na organização e funcionamento dos CRI.
  • Regime e Regulamentos.
  • Contratualização na saúde.
  • Contratualização externa e interna nos hospitais do SNS.
  • Contratos-Programa e processo de contratualização.
  • Métodos de acompanhamento da contratualização hospitalar: avaliação, monitorização e auditoria.
Alexandre Lourenço
Presidente da APAH.
Administrador Hospitalar no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra e aluno de Doutoramento da NOVA School of Business & Economics. É Presidente da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH), Membro do Executive Committee da European Association of Hospital Managers (EAHM), Membro do Special Interest Groups on Healthcare Management da International Hospital Federation e International Associate do American College Healthcare Executives (ACHE). É membro da Unidade de Investigação e Centro de Conhecimento NOVA Healthcare Initiative – Research (NHI) e preletor convidado nos programas de formação de executivos na área de gestão em saúde da Católica Lisbon School of Business & Economics e da NOVA School of Business & Economics. Desde 2014, coopera como consultor externo com a Organização Mundial de Saúde – Europa, prestando apoio técnico a vários Países nas áreas de financiamento e fortalecimento dos sistemas de saúde. É consultor do European Technical Advisory Group on Tuberculosis Control (TAG-TB) – WHO/Europe. Autor e coautor de documentos técnicos, capítulos de livro, artigos científicos e comunicações nacionais e internacionais variadas.
Andreia Toga Machado
Técnica Oficial de Contas (OTOC); Formadora Certificada (CAP)
Licenciada em Economia (FEP); pós-graduada em Gestão de Unidades de Saúde (UCP); Técnica Oficial de Contas (OTOC); Formadora Certificada (CAP). Foi: Auditora Sénior da Deloitte; Auditora Interna Responsável (CAE) do IPO Porto; Auditora do Departamento de Contratualização da ARS Norte; Diretora do Serviço de Auditoria Interna (CAE) do CHVNG/E. Atualmente é Auditora do Departamento de Contratualização na ARS Norte; Vogal da Direção do IPAI (Núcleo da Saúde); Vogal do Colégio de Especialidade de Auditoria e Membro da Assembleia Representativa da Ordem dos Economistas; Docente convidada na UCP e associada do IIA e APES.

Avaliação de Projetos de Investimento
Avaliação de Projetos de Investimento

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares, gestores e profissionais de saúde e outros com interesse na matéria.

Preço:

Sócios APAH*: 600€
Mais de 3 inscrições por empresa: 600€ cada inscrição
Não Associados: 660€
* Entidades Parceiras

Valor acresce IVA à taxa legal em vigor.

Objetivo:

    • Analisar e avaliar projectos de investimento.

Metodologia:

Com uma forte vertente prática, os programas combinam a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.

Programa:

    • Conceptualização do problema–solução.
    • Identificação dos stakeholders do projecto.
    • Identificação e mensuração de custos e benefícios.
    • Investimento de expansão.
    • Investimento de substituição.
    • Estimação e fluxos de caixa previsionais.
    • Risco individual do projecto.
    • Contribuição do projecto para o risco da empresa.
    • Taxa interna de rentabilidade.
    • Taxa de desconto.
    • Valor actual líquido do investimento.
    • Escolha entre investimentos mutuamente exclusivos.
  • Decisões de investimento de substituição.
  • Aquisição e leasing.
  • Escolha entre investimentos mutuamente exclusivos.
  • Restrições de capital (i.e. de financiamento).
  • Inflação e tributação na análise de projetos de investimento.
  • Considerações de natureza estratégica e comportamental.
  • Árvores de decisão.
  • Opções reais na avaliação de projectos de investimento.
  • Project Finance (PF)
  • Parcerias Público Privadas (PPP).
Gonçalo Faria
Professor Auxiliar de Finanças na Católica Porto Business School e Professor convidado na School of Economics and Finance, Queen Mary University of London.
Professor Auxiliar de Finanças na Católica Porto Business School e Professor convidado na School of Economics and Finance, Queen Mary University of London. Foi Professor convidado na Porto Business School, Universidade do Porto entre 2012 e 2015. Os seus interesses de investigação incluem incerteza nos mercados financeiros, gestão de risco, risco de volatilidade e de correlação, otimização de carteiras, gestão e avaliação de ativos com particular enfase em derivados, estratégias de investimento baseadas em derivados e hedge funds. Gonçalo Faria é Investigador Convidado no Departamento de Finanças do Imperial College Business School (Londres) e no Research Group of Economic Analysis (Universidade de Vigo). A sua investigação passada foi publicada em revistas científicas indexadas e a investigação atual foi recentemente premiada com bolsas de investigação do IFSID and the Global Risk Institute, do BNP Paribas Hedge Fund Centre da SMU, da INQUIRE Europe e da Netspar da Universidade de Tilburg. Gonçalo Faria é licenciado em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade do Porto, é CFA (Chartered Financial Analyst) e é doutorado em Economia pela Universidade do Porto. No setor não académico presta pontualmente consultoria a empresas gestoras de ativos e Multi-Family Offices e, no passado, foi consultor de um Fundo Private Equity (2012-2013) e sócio gestor de um Hedge Fund (2010-2011). Anteriormente desempenhou funções de analista financeiro (2001-2005) e de gestão de ativos (2005-2007) no Banco BPI e de auditor na Arthur Andersen (2000).

Marketing na Saúde

Local:

Católica Porto Business School

A quem se dirige:

Administradores hospitalares, gestores e profissionais de saúde e outros com interesse na matéria.

Preço:

Sócios APAH: 400€
Mais de 3 inscrições por empresa: 400€ cada inscrição

Valor Acresce IVA à taxa legal em vigor.

Datas:

Cursos abrem por manifestação de interesse, informações adicionais contacte-nos através do e-mail:  academia@apah.pt

Objetivo:

    • Sensibilizar o formando para a importância estratégica do marketing e para as suas especificidades enquanto serviços de saúde;
    • Criar ou reforçar a importância do desenvolvimento do marketing relacional através da qualidade dos serviços;
    • Fornecer as competências necessárias para que o participante estabeleça uma estratégia de marketing de serviços capaz de incrementar a satisfação dos utentes e a sua consequente satisfação;
    • Pretende-se demonstrar que qualquer profissional de serviços, independentemente da área de atuação deve apostar numa abordagem de marketing o que lhe vai permitir a criação de valor.

Metodologia:

Com uma forte vertente prática, os programas combinam a discussão de conceitos, reflexão e sua aplicação no exercício da atividade dos profissionais de saúde.

Programa

  • Quatro tópicos fundamentais:
      • Os Fundamentos do Marketing de Serviços – especificidades na saúde;
      • Foco no cliente/utente;
      • Estratégia de serviço: Delivering e Performing o serviço;
      • Avaliação do serviço.
Ana Côrte-Real
Associate Dean para a Formação Executiva da Católica Porto Business School.
É Coordenadora Científica do MBA Atlântico e do Marketing na Católica Porto Business School. É também Professora Visitante na Faculdade de Economia e Administração da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e na Escola Superior de Comunicação da Universidade do Porto. Doutorou-se no ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa com tese intitulada A Atitude das Crianças face às Mascotes das Marcas (Lisboa: ISCTE, 2007). Na área das marcas tem desenvolvido pesquisa com frequentes apresentações em conferências internacionais. Foi co-autora, com um grupo de autores luso brasileiros, de "O Livro da Marca" (Lisboa: Dom Quixote, 2007) obra de referência sobre a marca em língua portuguesa. O seu artigo "One, Two, Three: A Practical Brand Anatomy" (Lencastre & CôrteReal, 2010, Journal of Brand Management) apresenta uma nova abordagem à análise da marca baseada na semiótica. É membro do Centro de Estudos CEGEA da Universidade Católica, onde tem vindo a desenvolver diversos estudos relacionados com a estratégia de marca e estudos de mercado. É consultora na área de marketing.